COMO ANDAM AS REDES SOCIAIS SEM O PROFETA JOE WILLIAMS E SEUS SEGUIDORES?

COMO ANDAM AS REDES SOCIAIS SEM O PROFETA JOE WILLIAMS E SEUS SEGUIDORES?
Inquestionável, lamentável, alívio ou qual for o sentimento dos moçambicanos, a verdade é que Joe Williams faz falta pois muitos foram famosos e ainda os conhecemos hoje graças ao “Profeta”. Uma Semana e meia, qual é o sentimento de muitos?
Joe Williams está detido há 10 dias e até então não há algo contrário que mostre a razão da sua detenção ou para sua soltura.
Tudo isso acontece porque segundo informações tornadas públicas o Serviço de Investigação Criminal – SERNIC, está a busca de provas materiais e outros para provar o que está listado nos crimes pelos quais é até agora acusado.
Foi na tarde do dia 06 de Fevereiro que o profeta mais polêmico e controverso da sociedade moçambicana foi negado a sua liberdade, sendo obrigado a apanhar sono nas celas do Posto Policial do Porto de Maputo.
Em causa segundo Orlando Mudumane, Porta-voz do Comando Geral da PRM, está o seu envolvimento no sequestro de Arcénio Amós, um jovem YouTuber, vulgarmente conhecido como “Beleza Em Pessoa”.
A detenção do “profeta” foi conduzida por agentes do Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC), porém, a instituição não deu detalhes relativamente a operação.
Imagens a circular nas redes sociais, mostravam o jovem YouTuber sentado num banco de uma esquadra e algemado (com as mãos atrás), ao lado de um outro jovem anónimo. Na mesma imagem, Joe Williams aparece lado-a-lado com um agente do SERNIC a trocarem algumas impressões.
Noutra imagem, surge Arcénio Amós com a boca amordaçada com “fita-cola”, uma prática comum em sequestros, para impedir que as vítimas gritem por socorro. Aliás, o áudio que acompanha as imagens, também partilhado nas redes sociais, revela uma conversa entre o “profeta-empresário” e alguns homens em que promete uma garrafa de Wisky e dinheiro, como uma moeda de troca para que estes abusassem sexualmente do jovem.
Segundo noticiou a carta no dia a seguir a sua detenção, Joe Williams tem sido um dos líderes religiosos de eleição do Governo para dirigir orações nos eventos por si organizados. A última oração proferida pelo “profeta” data de 04 de Outubro de 2019, na Praça da Paz, em Maputo, onde orou, na língua inglesa, em prol da paz. O profeta foi o último a orar e teve a oportunidade de soltar a pomba branca, lado-a-lado com Joaquim Chissano, antigo Presidente da República.
O partido Frelimo, através do seu Comité Provincial de Inhambane, atribuiu um diploma de honra ao “camarada Joe Williams pelo empenho, dedicação, apoio e participação activa no processo de preparação e realização das Eleições Presidenciais, Legislativas e das Assembleias Provinciais que culminaram com a vitória expressiva desta força política no dia 15 de Outubro de 2019”.

Você que leu esse texto que opinião tem?

2.374

Capa da Semana

Primeira Página em 60 Segundos - Jornal Visão Moçambique

Anuncie aqui – 872007240

PUBLICIDADE E ANÚNCIOS
PUBLICIDADE E ANÚNCIOS
%d blogueiros gostam disto: