Deputada da Tanzânia expulsa do Parlamento por usar “calças justas”

Uma deputada foi expulsa do Parlamento na Tanzânia por usar calças “demasiado justas”. A denúncia contra Condester Sichwale foi feita por um deputado do próprio partido, que a acusou de usar roupas “pouco modestas”. O Presidente do Parlamento concordou e mandou Sichwale “vestir-se de forma apropriada”.

O caso gerou revolta, com os deputados a serem acusados de sexismo.

 41 

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.