Dispositivos acessíveis como uma grande oportunidade na condução da migração 4G | Jornal Visão

Dispositivos acessíveis como uma grande oportunidade na condução da migração 4G

Dispositivos acessíveis como uma grande oportunidade na condução da migração 4G

Existem oportunidades de negócio significativas no espaço de banda larga móvel na construção de um ecossistema de dispositivos móveis acessíveis para apoiar a migração dos utilizadores para a tecnologia de rede celular 4G e 5G.

Esta foi a mensagem emergente do 5º Salão de Banda Larga Móvel Huawei Africa que decorreu no Festival Africacom Africa Tech em linha nos dias 9 á 12 de Novembro. Os delegados ouviram que a indústria das Tecnologias de Informação e Comunicação nunca tinham sido tão importantes para a sociedade, e que estava agora na vanguarda do desenvolvimento social e do restabelecimento das economias afectadas pela pandemia da COVID-19.

“A conectividade é a base da transformação digital”, disse o facilitador do Salão, Mohamed Madkour, Vice-Presidente da Carrier Business Marketing e Soluções para a Huawei. “Já é tempo de abordarmos a conectividade móvel não só em termos de velocidade ou capacidade ou cobertura, mas também em termos de acessibilidade do ecossistema, acessibilidade económica, conveniência e valor”, defendeu Mohamed Madkour.

Segundo o GSM, o número de utilizadores de 4G em África deveria triplicar nos próximos cinco anos, com a cobertura da população a aumentar dos actuais 55% para 80% em 2025. “A conectividade universal em África precisa da colaboração proactiva de todos os interessados para desenvolver negócios lucrativos e também encorajar o investimento”, referiu Madkour.

Por seu turno, Roy Zheng, Director de Desenvolvimento de Negócios no Estrangeiro de um dos fabricantes de semicondutores, disse que desde a pandemia, a procura de tabletes na educação tinha explodido. Para satisfazer esta procura, a sua empresa estava a produzir chipsets que permitem a produção de tabletes a preços a partir de 48 dólares (R750).

A adopção de tecnologia mais eficaz e de menor custo pode levar à adopção de 4G. Somos capazes de fornecer chipsets para telemóveis com preços a partir de $31 (R485), o que poderia ser a entrada ideal de telefones inteligentes para a migração 4G”, avançou Zheng,

Também falando no Salão, Lin Ranhao, Presidente Executivo da Tele 1, fabricante de telefones inteligentes e tabletes, disse que durante os próximos anos, o crescimento mais rápido da base de utilizadores de 4G era provável que viesse de África.

Ranhao disse ainda que África tinha muitos utilizadores de 2G à espera de mudar para 4G, mas que apesar das infraestruturas prontas, a penetração de 4G ainda era relativamente lenta. Sugerindo formas de resolver este problema, Ranhao fez uma analogia com a China, que estava a encorajar a produção e compra de veículos elétricos através de subsídios.

“Se a conversão de 2G para 4G é uma tarefa tão urgente para os transportadores, devemos adoptar uma estratégia mais proactiva, e impulsionar este processo através de subsídios. Afinal de contas, agrupar planos de transportadores com dispositivos subsidiados é uma prática comum em todo o mundo”, disse o Presidente Executivo da Tele 1.

Ranhao referiu que os programas de subsídios combinados com dispositivos de nível básico a preços competitivos reduziriam o limiar para compradores de telefones inteligentes pela primeira vez, acelerariam a migração para 4G e abririam vastas oportunidades de negócio, e de desenvolvimento humano.

“Os lados da procura e da oferta são pilares importantes do negócio da banda larga móvel. A infraestrutura e o espectro representam o lado da oferta, enquanto os serviços e o ecossistema são o lado da procura. Podemos impulsionar o negócio dos consumidores mostrando o valor das parcerias em ecossistemas de aparelhos e serviços de conteúdos a preços acessíveis”, referiu Madkour.

Ajude-nos a crescer. Sua ajuda conta muito para nó
106

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×

Olá!

Envie sua notícia ou informação pelo WhatsApp, é seguro e sigiloso. Pode confiar ou envie-nos um e-mail para redaccao@jornalvisaomoz.com

× REPÓRTER É VOCÊ. ESCREVA-NOS AGORA!
%d bloggers like this: