GCCC capacita 30 membros da Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique em matérias de prevenção e Combate à Corrupção

GCCC capacita 30 membros da Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique em matérias de prevenção e Combate à Corrupção

GCCC capacita 30 membros da Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique em matérias de prevenção e Combate à Corrupção – A capacitação tem por objectivo habilitar os membros da ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique a nível de recursos humanos de capacidades para promover acções de prevenção da corrupção, a dotando-os de conhecimentos teóricos e práticos.

Segundo a Coordenadora do Departamento de Prevenção do Gabinete Central de Combate a Corrupção Maria Helena Ferreira, com esta ordem da actuação pretende-se integrar este grupo de sector privado na máquina activa e protagonista de acções concretas, rumo a diminuição massiva da prática de actos de corrupção na sociedade.

Ferreira realçou que este exercício enquadra-se na implementação do plano de acção de cooperação internacional e do memorando de entendimento assinado entre a GCCC e a OCAM, em Abril de 2018, que estabelece os mecanismos de articulação entre as partes, na prevenção e combate à corrupção.

A Coordenadora do Gabinete Central de Combate a Corrupção, frisou que estão confiantes que as legislações, metodologias, técnicas implementadas cujas directivas estão definidas nos termos de referência da presente acção de formação será o melhor instrumento de trabalho.

Maria Ferreira apelou a todos os formados para a necessidade de disseminar os conhecimentos obtidos neste exercício, que tenham capacidades interna de identificar situações de risco e agir proactivamente, com vista a impedir a sua ocorrência, de modo a contribuir para concretização dos objectivos traçados.

Por seu torno, Gildo Cossa Secretário-Geral da Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique disse que com a formação espera constituir uma equipe com capacidade de disseminar as práticas e matérias de corrupção a nível dos membros da OCAM e dos clientes que tem tido a prestação de serviços dos mesmos e que esse pequeno grupo cresça.

O Secretario da OCAM acrescentou que prevê organizar outras sessões que vão abranger outras províncias de modo a dar oportunidades a todos membros, mais clientes ou parceiros que são pequenas e médias empresas na maioria e assim como os colaboradores do sector público, estudantes, docentes universitários que tem atendido as sessões a nível nacional de formação.

Ainda na sua intervenção a fonte reiterou que a formação tem maior ênfase não apenas em capacitar sobre as penas que são aplicadas aos infractores, mas estão focadas em matérias de prevenção de crimes e os formados devem ter a noção disso e saber como aplicar no âmbito do trabalho ou noutras ocasiões.

689

Perfil do Editor

Redacção
Propriedade de Edições do Jornal Visão, Registado na República de Moçambique em Dezembro de 2016 no Gabinete de Informação, Instituição de Tutela sobre o sector da comunicações e radiodifusão com procedimentos dos ministérios da Justiça, Interior, Comércio e Indústria e dos Transportes e Comunicações. Publicações Semanais por PDF e diárias através do Website www.jornalvisaomoz.com. Notícias de Moçambique e do mundo na hora certa, com factos e argumentos fiáveis e credíveis.

Propriedade de Edições do Jornal Visão, Registado na República de Moçambique em Dezembro de 2016 no Gabinete de Informação, Instituição de Tutela sobre o sector da comunicações e radiodifusão com procedimentos dos ministérios da Justiça, Interior, Comércio e Indústria e dos Transportes e Comunicações. Publicações Semanais por PDF e diárias através do Website www.jornalvisaomoz.com. Notícias de Moçambique e do mundo na hora certa, com factos e argumentos fiáveis e credíveis.

×

Olá!

Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo no WhatsApp ou envie-nos um e-mail para admin@jornalvisaomoz.com

× DENUNCIE SEM MEDO AGORA!
%d bloggers like this: