JAIME NETO APELA A ADERÊNCIA MASSIVA DE JOVENS AO RECENSEAMENTO MILITAR

Durante o lançamento da campanha 2021 do recenseamento militar no posto Administrativo de Migaza, na província da Zambézia, o dirigente apelou aos jovens com 18 anos a aderir em massa ao processo.

“A lei do serviço militar, preconiza o cumprimento das obrigações militares de jovens de 18 aos 35 anos de idade de forma a contribuir para a defesa da independência nacional, soberania, integridade territorial”, frisou o governante.

Mais adiante a fonte referiu que o acto é revestido de honra e nobreza onde todos moçambicanos tem a obrigação de cumprir.

“Em observância a Lei, o Governo Moçambicano programou recensear em todo território nacional uma amostra de 200 mil mancebos de ambos os sexos abrangendo todos os cidadãos nascidos no ano de 2003 assim como aqueles que por vários motivos não poderam fazê-lo em anos anteriores”, disse .

Ainda no seu discurso, o Ministro da Defesa e Segurança, falou dos ataques protagonizados na zona norte do país.

“A moral da nossa força é boa, razão pela qual eles estão empenhados em tudo fazer para não permitir que qualquer parte do nosso território seja ocupado pelo inimigo”, avançou.

O Ministro da Defesa e Segurança, revelou que decorre neste momento um processo de capacitação técnica das forças particularmente para lhe dar com esta nova forma do inimigo e terrorismo bem como a capacitação material para continuem com moral para o trabalho.

 70 

Comentários do Facebook

2 thoughts on “JAIME NETO APELA A ADERÊNCIA MASSIVA DE JOVENS AO RECENSEAMENTO MILITAR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.