Jornalistas formados em matéria de Direito Humanos e VBG » Género » Jornal Visão Moçambique

Jornalistas formados em matéria de Direito Humanos e VBG

A CECAP, Coligação para Eliminação das Uniões Prematuras, está a levar a cabo na cidade de Maputo, uma capacitação de jornalistas ao nível nacional em matérias ligadas aos direitos humanos e Violência Baseada no Género(VBG).

Durante a cerimónia de abertura do evento com duração de dois dias, a presidente da Coligação para Eliminação das Uniões Prematuras Ferosa Zacarias, disse que os jornalistas devem dar prioridades nas suas divulgações, a sensibilização sobre leis nacionais, regionais e internacionais que se podem aplicar no combate, e influenciar para a mudança de normas sociais de género, atitudes e comportamento, ao nível comunitário e individual, para prevenir a violência e uniões prematuras, violência baseada no género, com destaque à gravidez prematura considerada como uma das principais causas da desistência escolar no território nacional.

Presidente da Coligação para Eliminação das Uniões Prematuras, Ferosa Zacarias
Presidente da Coligação para Eliminação das Uniões Prematuras, Ferosa Zacarias

This image requires alt text, but the alt text is currently blank. Either add alt text or mark the image as decorative.

A presidente da (CECAP) diz ainda que a capacitação está direccionada aos jornalistas, para que através das suas reportagens impulsionem mudanças sobre as práticas tradicionais prejudiciais à criança e rapariga, garantir maior eficácia na comunicação, informação e divulgação sobre casos de uniões prematuras e promover troca de experiências entre os órgãos de comunicação na publicação de artigos.

Ferosa Zacarias vai longe dizendo que a violência baseada no género constitui uma grande violação aos direitos humanos, em particular, das mulheres, merecendo uma condenação vigorosa de todos, tendo a activista apelado também aos jornalistas a estarem alertas à violência que segundo ela, constitui um flagelo universal que destrói famílias e comunidades, ameaça a vida humana, saúde e o bem-estar de todos.

Por seu torno o representante Visão Mundial em Moçambique Eleutério Fenita, que participou como orador, disse que as normas e praticas continuam a transmitir a ideia conservadora, de que uns têm mais direitos, mais poder que outros em função  do género.

Eleutério Finita, Director de Advocacia e Justiça para a Criança, da Visão Mundial Moçambique, uma organização cristã americana
Eleutério Finita, Director de Advocacia e Justiça para a Criança, da Visão Mundial Moçambique, uma organização cristã americana

This image requires alt text, but the alt text is currently blank. Either add alt text or mark the image as decorative.

O representante da Visão Mundial, apela aos profissionais dos órgãos de comunicação social, que não podem ficar à margem da violência baseado no género e para divulgarem informações relevantes com destaque para as províncias com mais índice de violência.

“O bem-estar da criança e a igualdade do género, não são facultativas, constituem sim, obrigação e um compromisso, um requisito de e para o desenvolvimento de um País” disse.

Ainda no seu discurso, Fenita disse aos jornalistas que participam na capacitação, que o encontro visa transmitir através dos seus órgãos de comunicação, a comunidade ou sociedade que “os direitos da criança, os direitos da rapariga são também direitos humanos”.

O dirigente terminou mostrando o ensejo de um dia Moçambique ter um código de Ética para questões ligadas à cobertura de assuntos ligados à criança, particularmente incidente de protecção à criança e também conteúdos relacionados à violência baseado no género.

De referir que coligação para Eliminação das Uniões Prematuras(CECAP), É uma plataforma que reúnem 67 Organizações da Sociedade Civil (OSC), empenhadas na protecção dos direitos da criança e da rapariga, com especial enfoque para prevenção e eliminação das uniões prematuras .

Um dos principais pilares estratégicos da CECAP é o fortalecimento da coordenação das acções ao nível das provinciais e capacitação dos membros em matérias relevantes.

312
Sobre o autor: Redacção
Jornal moçambicano que inova na maneira de informar. Notícias de Moçambique e do mundo num toque. Digitalizamos a maneira como a notícia chega ás suas mãos e ao bolso através desta camada jovem que faz Jornalismo Social e Responsável.
Compartilhar isso

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.