Jovens foram mesmo recrutados em Maputo? Entenda o que aconteceu

Jovens foram mesmo recrutados em Maputo? Entenda o que aconteceu

Os rumores do suposto recrutamento que até agora não termina a tensão na população está a deixar jovens a debandada.

Pessoas entrevistadas pelo Jornal Visão Moz, afirmaram terem avistado um grupo de indivíduos entre militares e civis pegando alguns jovens, algo que não pode ser confirmado pois nenhum familiar próximo das ditas vítimas veia a público afirmar tal facto.

O que aponta se tratar de um dos maiores boatos de sempre e que poderiam ter custado a vida de milhares que a debandada começaram a correr de um lado para o outro seguindo ordens do “vhale-vhale”(ouvir dizer na língua portuguesa-Tsonga).

A desconfiança que o povo tem para com o Governo moçambicano está a preocupar bastante e urge o Estado encontrar formas de devolver esta confiança para com o povo de modo a evitar-se situações similares e futuras que podem ser gravíssimas do que foi o evento da última sexta-feira.

Estima-se que mais de duas mil pessoas incluindo passageiros e vendedores teriam participado da debandada provocada pela partilha irresponsável de vídeos e mensagens sobre um possível recrutamento compulsivo que já teria iniciado nos distritos de Manhiça, Marracuene e em localidades como Pateque, Bobole, Xinavane e Maragra.

 

Veja o que JUMA AIUBA escreveu sobre o assunto…

Vagas para Aprendizes em Processo de Produção de Gás Natural (Inhassoro)

 

843

Propriedade de Edições do Jornal Visão, Registado na República de Moçambique em Dezembro de 2016 no Gabinete de Informação, Instituição de Tutela sobre o sector da comunicações e radiodifusão com procedimentos dos ministérios da Justiça, Interior, Comércio e Indústria e dos Transportes e Comunicações. Publicações Semanais por PDF e diárias através do Website www.jornalvisaomoz.com. Notícias de Moçambique e do mundo na hora certa, com factos e argumentos fiáveis e credíveis.

×

Olá!

Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo no WhatsApp ou envie-nos um e-mail para admin@jornalvisaomoz.com

× DENUNCIE SEM MEDO AGORA!
%d bloggers like this: