Mãe manda bebé ficar calado enquanto o vê ser esmagado por banco do carro

Bebé esmagada pelo banco de trás

Uma criança de três anos morreu esmagada pelo banco do condutor do carro do companheiro da mãe, em Sutton, no sul de Londres. Alfie Lamb terá sido forçado a sentar-se entre as pernas da sua mãe, Adrian Hoare, por trás do assento do condutor, antes do namorado da mãe, Stephen Waterson, ter um ataque de raiva enquanto seguiam para casa.

A mãe do bebé, de 23 anos, terá dito para a criança ficar calada, até esta ser esmagada até à morte. A informação foi esta quinta-feira divulgada durante a audiência que decorreu no Tribunal Old Bailey, em Londres, segundo avança o jornal britânico The Sun. Waterson, de 25 anos, terá ficado irritado quando a criança se queixou de não ter espaço suficiente (por estar sentado no chão, entre as pernas da mãe). Emilie Williams, de 19 anos, é a testemunha que seguia no assento ao lado da criança e garantiu em tribunal que a cabeça de Alfie estava a tocar no assento do banco da frente e que a mãe do menino lhe terá dito para ficar calado que estavam a um minuto de casa, avançou a mesma fonte. O menino gritou até ficar inconsciente, depois de ser esmagado com o peso de cerca de 81 quilos sobre ele.
A mãe da criança e o namorado estão acusados de homicídio. Hoare foi também acusado de violência infantil e negligência, por deixar que Alfie seguisse no seu carro, em condições desumanas. O caso remete a fevereiro de 2018. 
253

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: