Mais de 1600 JOVENS SERÃO CAPACITADOS EM MATÉRIAS DE INOVAÇÕES E TECNOLOGIAS PARA O AUTO-EMPREGO

Para a materialização deste desejo foram assinados segunda-feira (14) em Maputo, dois memorandos de entendimento entre o Centro de Investigação e Transferência de Tecnologias para o Desenvolvimento Comunitário (CITT), com a Agência de Desenvolvimento e Empreendedorismo (ADE) e a Empresa Mozgrain.

As três instituições assinam este memorando visando à facilitação do uso dos resultados de pesquisa, tecnologias e inovações desenvolvidas pelo CITT no âmbito da incubação dos jovens para o Auto-Emprego assim como, a transferência de tecnologias para a produção da semente certificada.

Gabriel Salimo, Ministro da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Tecnico Profissional que falava durante o evento de concretização da parceria, disse que ao se formalizar o acto com a ADE e a Mozgrain, pretende-se alargar as intervenções da instituição que dirige, contribuindo deste modo para o crescimento económico e social do país.

“Queremos também, destacar o papel do CITT como instituição que assegura o estabelecimento de mecanismos e formas de garantir a implementação institucionalizada e, especializada dos interesses e da agenda de investigação e, transferência de tecnologias, inovação e a capitalização do conhecimento local para o desenvolvimento sustentável das comunidades” frisou.

Ainda segundo Salimo, serão cobertos pela parceria um total de 1680 jovens, os quais irão beneficiar de capacitação no uso de inovações e tecnologias geradoras de Auto-Emprego no sector agrário. “Com este memorando poderá expandir-se as acções de transferência de tecnologias para a produção de semente certificada e uso de insumos de qualidade prevendo-se atingir um total de 300 produtores locais”, avança a fonte.

Face as enormes oportunidades que se cria na sequência da assinatura destes memorandos, Gabriel Salimo reiterou o compromisso com o sector ministerial que coordena as acções de Ciência e Tecnologia, de levar estes dois pilares de governação a servirem cada vez mais a sociedade moçambicana em geral e, de forma particular às comunidades rurais, que são objecto das parcerias que se formaliza.

“O Governo enfatiza a necessidade de geração de emprego e auto-emprego, especialmente para jovens e mulheres, incentivando a adopção de diversas estratégias para a sua operacionalização, sendo uma delas o estímulo às iniciativas de inovação e transferência de tecnologias e, às iniciativas juvenis e empreendedoras” Disse a fonte

 

Recordar que no presente quinquénio 2020-2024, o Governo enfatiza a necessidade de geração de auto-emprego, especialmente para jovens e mulheres, incentivando a adopção de diversas estratégias para a sua operacionalização, sendo uma delas o estímulo às iniciativas de inovação e transferência de tecnologias e, às iniciativas juvenis e empreendedoras.

123

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×

Olá!

Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo no WhatsApp ou envie-nos um e-mail para admin@jornalvisaomoz.com

× DENUNCIE SEM MEDO AGORA!
%d bloggers like this: