< MOÇAMBIQUE BUSCA EXPERIÊNCIAS NA SUÉCIA PARA LUTAR PELOS DIREITOS DA CRIANÇA | Jornal Visão

MOÇAMBIQUE BUSCA EXPERIÊNCIAS NA SUÉCIA PARA LUTAR PELOS DIREITOS DA CRIANÇA

MOÇAMBIQUE PROCURA EXPERIÊNCIAS NA SUÉCIA NA LUTA DE DIREITOS DA CRIANÇA

É como velas em ruas, avenidas vendendo água sem ninguém e deambulando sem destino muitos deles sem escola, sem famílias vivem em retrato de que não gozam de um direito fundamental a educação, a família entre outros. Este é o cenário que se tem vivido na cidade se não em todo o país o direito da criança ainda é um enorme desafio. Foi nesse contexto que Isaque Chande o provedor de justiça uniu-se a Suécia a fim de ganhar experiência na luta dos direitos da criança.

“Em termos de regularização e adesão, instrumentos internacionais temos de forma considerável o maior desafio na luta pelos direitos da criança, é algo que reside em cada um, cada deve sentir-se responsável na protecção e respeito desses direitos, e bem que a Suécia conta com a figura de provedor de justiça há vários anos facto este que Moçambique irá unir-se a Suécia com o objectivo de adquirir experiência na luta dos direitos da criança”, disse Isaque Chande

Por seu turno a provedora de justiça da Suécia, Elisabeth Dahlin garantiu passar as boas experiências para Moçambique reconhecendo igualmente que apesar dos desafios existem alguns avanços que se tem registado no país. “No ano passado Moçambique apresentou em Genebra um relatório importante com algumas melhorias no que diz respeito aos direitos da criança, há muitos desafios o que é preciso e dobrar os esforços para um futuro melhor das crianças” avançou Elisabeth Dahlin. De realçar que o provedor de justiça da Suécia tem uma visita de quatro dias no país onde tem encontros marcados com diversos pelouros como ministros, vice-ministros, bem como a presidente da Assembleia da República, está visita surge consequentemente na data em que são celebrados os 30 anos da convenção internacional sobre os direitos da criança.

537

×

Olá!

Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo no WhatsApp ou envie-nos um e-mail para admin@jornalvisaomoz.com

× DENUNCIE SEM MEDO AGORA!
%d bloggers like this: