Norte da Província de Cabo Delgado fora da mão | Jornal Visão

Norte da Província de Cabo Delgado fora da mão

Norte da Província de Cabo Delgado fora da mão

Nove distritos do norte da província de Cabo Delgado, estão isolados em consequência do desabamento de uma ponte sobre o rio Montepuez, provocado pelo mau tempo que se faz sentir na região.

A ponte, que data do tempo colonial, desabou durante a madrugada de hoje(28.12.2019) na sequência das fortes chuvadas e deixou isolados os distritos de Meluco, Macomia, Muidumbe, Mueda, Nangade, Palma e Mocímboa da Praia, no norte de Cabo Delgado.

“Temos uma equipa no terreno para avaliar danos e depois deste trabalho teremos ideia do real impacto deste desabamento, incluindo as alternativas que vamos adotar para solucionar o problema”, disse fonte da Administração Nacional de Estradas de Moçambique à agência Lusa, remetendo mais detalhes para breve em comunicação oficial. Leia mais…


Em abril deste ano, alguns pontos da província de Cabo Delgado foram atingidos pelo ciclone Kenneth, que causou a morte a 45 pessoas e afetou outras 250 mil. Um mês antes da passagem do Kenneth, o centro de Moçambique tinha sido devastado pelo ciclone Idai, que provocou 604 mortos e afetou cerca de 1,5 milhões pessoas no centro do país, além de ter destruído várias infraestruturas.

Entre os meses de novembro e abril, Moçambique é ciclicamente atingido por ventos ciclónicos oriundos do Índico e por cheias com origem nas bacias hidrográficas da África Austral. No total, 714 pessoas morreram durante o período chuvoso em 2018 e 2019, incluindo 649 vítimas dos ciclones Idai e Kenneth.

 
No dia 21 do mês em curso, Duas pessoas morreram na sequência de um ataque a um autocarro no Posto Administrativo de Chitunda, no distrito de Muidumbe, a 147 quilómetros de Pemba, capital provincial de Cabo Delgado.
 
Segundo testemunhas entrevistadas pela agência de notícias Lusa, o ataque ocorreu às 06h00 horas, na estrada que liga a cidade de Pemba aos distritos do norte da província da província de Cabo Delgado, Norte de Moçambique. 

As vítimas seguiam num autocarro da transportadora NAGI e foram surpreendidas pelos disparos quando passavam a dois quilómetros da aldeia de Chitunda, Posto Administrativo com mesmo nome, tendo o motorista prosseguido a viagem apesar dos tiros, disseram à agência Lusa testemunhas locais.
Tem mais…

Sasol promete criar mais condições para as empresas nacionais no próximo quinquénio

 

Quando a educação é a única “carta na manga” Basílio Macaringue

1.304

Propriedade de Edições do Jornal Visão, Registado na República de Moçambique em Dezembro de 2016 no Gabinete de Informação, Instituição de Tutela sobre o sector da comunicações e radiodifusão com procedimentos dos ministérios da Justiça, Interior, Comércio e Indústria e dos Transportes e Comunicações. Publicações Semanais por PDF e diárias através do Website www.jornalvisaomoz.com. Notícias de Moçambique e do mundo na hora certa, com factos e argumentos fiáveis e credíveis.

×

Olá!

Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo no WhatsApp ou envie-nos um e-mail para admin@jornalvisaomoz.com

× DENUNCIE SEM MEDO AGORA!
%d bloggers like this: