MOÇAMBIQUE E PORTUGAL UNEM-SE PARA PROJECTOS DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA

Por: Nádio
Taimo



D
ecorreu
nos dia 27 e 28 de Fevereiro do corrente ano, um workShop com o lema
“Fortalecer o desenvolvimento     da
investigação científica entre Moçambique e Portugal”,um evento organizado
pelo Fundo nacional  de investigação e a Fundação
para Ciência e tecnologia.

Resultado de imagem para moçambique portugal

O seminário tem como objectivo, partilha de experiências
científicas entre Moçambique e Portugal a partir de uma rede de comunicação que
vai permitir a mobilidade dos investigadores de ambos países e a transferência
de tecnologias dois países. Afirmou Jonas Mondlhane, responsável de serviços de
planificação de projectos de investigação. “Deste seminário, espera-se vários
resultados, dente elas; interacção entre os próprios investigadores que vai
culminar com a elaboração de projectos conjuntos no sentido de melhorar a
condições de vida dos dois países”, acrescentou Mondlhane.
Questionado pelo valor disponibilizado para o financiamento
dos projectos, Mondlane foi a fundo dizendo que o valor varia de ano em ano,
tendo varias categorias de financiamento, pois o fundo financeira três
categorias. Destacando inovação em Um milhão e quinhentos, Investigação geral
com duração de dois anos em Dois milhões e quinhentos, investigação em Três milhões
e quinhentos com duração de dois anos e meio, e investigação básico que vai ate
Seis milhões de Meticais.
O Fundo nacional de investigação, já vêem financiando vários
projectos, um exemplo concreto é o caso do recente projecto de primeira
maquinaria de ultima geração que temos no pais, disponível no hospital central
de Maputo, que permite uma intervenção cirúrgica eficiente, mais rápida sem que
o paciente leve muito tempo de permanência no Hospital.JV
274
LEIA  Fresquinha a edição nº 24 do seu semanário JORNAL VISÂO
pt_PT
en_ZA pt_PT
%d bloggers like this: