Rumo Ao Décimo Segundo Congresso da Frelimo: Frelimo mantém os 11 primeiros secretários provinciai

#Rumo Ao Décimo Segundo Congresso da Frelimo: Frelimo mantém os 11 primeiros secretários provinciais#

Em todo país o último fim-de-semana foi “turbulento” no seio do partido dos Camaradas, com a realização das conferências provinciais, cujo objectivo era a eleição dos primeiros Secretários Provinciais, dos membros dos Comités Provinciais, dos membros do Comité Central e dos delegados provinciais ao XII Congresso do partido, que se realiza de 23 a 28 de Setembro corrente.

Um dos momentos “turbulentos ” daqueles encontros verificou-se durante a eleição dos membros do Comité Central, em que alguns “membros de peso” foram preteridos seus companheiros de trincheira.

Entre as vítimas estão Agostinho Vuma, em Gaza; Eduardo Nihia, em Nampula; Francisco Mabjaia, na cidade de Maputo; e Oswaldo Petersburgo, na Zambézia.

No entanto, foi na eleição dos Primeiros-Secretários Provinciais onde se notou algo curioso a manutenção dos atuais 11 líderes, incluindo Gonçalves Gemusse, que é acusado de desvio de fundos, no distrito de Chiuta, na província de Tete.

Ao que “jornal visão Moçambique” apurou, os 11 Primeiros Secretários Provinciais foram eleitos com 100% dos votos e sem quaisquer adversários. Fontes ligadas ao processo asseguram que tal facto deriva de uma directiva imposta pela direcção do partido, o que levou muitos membros da Frelimo a desistir de concorrer àquele cargo, equiparado ao de Governador Provincial.

Assim, os 11 Comités Provinciais da Frelimo continuam a ser dirigidos pelas seguintes personalidades: Artur Nanlicha-Muchopa (Niassa); José Kalime (Cabo Delgado); Luciano De Castro (Nampula); Paulino Lenço (Zambézia); Gonçalves Gemusse (Tete); Tomás Chitlango (Manica); Luís Nhanzonzo (Sofala); João Mudema(Inhambane); Daniel Matavele (Gaza); Avelino Muchine (Maputo Província); e Razaque Manhique (Maputo Cidade).

Alguns entendidos na matéria defendem que a manutenção daqueles líderes provinciais visa eliminar quaisquer suspeitas de clima de tensão entre os camaradas e garantir um congresso livre de polêmicas. O XII Congresso da Frelimo arranca sexta-feira da próxima semana.

273
Sobre o autor: Arson Armindo Mbanguine
Diga-nos algo sobre você.
Compartilhar isso

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.