google.com, pub-7868974546359612, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-7868974546359612, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Unidades de Informação Financeira dos PALOP e Timor-Leste aprofundam conhecimento sobre Cibercrime

Decorre, entre os dias 20 e 22 de Julho de 2021, o Fórum das Unidades de Informação Financeira dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e Timor-Leste, dedicado ao tema “O Reforço da Investigação Financeira Paralela em casos de crimes informáticos: Tendências e desafios” que reúne representantes das Unidades de Informação Financeira (UIF), bem como da área da governação, Justiça, das Procuradorias-Gerais da República, magistrados judiciais, polícias de investigação criminal e bancos centrais dos PALOP e de Timor-Leste.

Esta iniciativa resulta da parceria da UIF de Angola, no âmbito das comemorações do seu 10.º aniversário, com o Projecto Global Action on Cybercrime Extended (GLACY +), um projecto conjunto da União Europeia e do Conselho da Europa cujo objectivo é desenvolver actividades que garantam a implementação da Convenção de Budapeste sobre crimes cibernéticos, e com o PACED – Projeto de Apoio à Consolidação do Estado de Direito nos PALOP e Timor-Leste.

O Fórum visa avaliar os principais desafios das investigações financeiras paralelas e da apreensão e confisco de proveitos de crimes ‘online’ e, ainda, das ameaças colocadas pelo uso de activos virtuais, especialmente de cripto moedas, promovendo o diálogo mútuo e o conhecimento especializado necessário para combater com eficácia os crimes cibernéticos.

O PACED tem como objectivos a afirmação e consolidação do Estado de Direito nos PALOP e em Timor-Leste, assim como a prevenção e luta contra a corrupção, o branqueamento de capitais e a criminalidade organizada, em particular o tráfico de estupefacientes.

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *