VICTÓRIA DIOGO DECLARA TOLERÂNCIA ZERO AS OBRAS ABANDONADAS PELOS EMPREITEIROS NA MATOLA

VICTÓRIA DIOGO DECLARA TOLERÂNCIA ZERO AS OBRAS ABANDONADAS PELOS EMPREITEIROS NA MATOLA

VICTÓRIA DIOGO DECLARA TOLERÂNCIA ZERO AS OBRAS ABANDONADAS PELOS EMPREITEIROS NA MATOLA

A PREOCUPAÇÃO SURGE após a dirigente ter constatado que em vários distritos da Província de Maputo, há muitas obras abandonadas por empreiteiros.

A dirigente só para citar exemplos aponta que [su_members message=”Por favor ASSINE Pe tenha acesso a toda notícia %login%.” color=”#15577c” login_url=”https://jornalvisaomoz.com/pt/loja”]no Distrito de Boane presenciou na visita que efectuou recentemente o abandono das obras de construção de infra-estruturas do Serviço Distrital de Planeamento e Infra-Estruturas. Em Marracuene constatou o abandono das obras de ampliação do Instituto Médio e de Planeamento Físico.

VICTÓRIA DIOGO disse que neste momento decorre o processo de levantamento das obras abandonadas para a posterior responsabilização dos empreiteiros.

“Visitamos algumas instituições de formação e encontramos obras abandonadas, e isto não pode ser aceitável, infelizmente foi aberto há dias o Gabinete Provincial de Combate a Corrupção. Nós instamos para que as cópias destes processos sejam levados porque temos que ir até as últimas consequências para responsabilizar aqueles empreiteiros que estão a delapidar o Estado. Em Boane e Matutuine também encontramos, portanto o que se fez agora é o levantamento, vamos fazer aquilo que nós chamamos de lista negra, vamos trabalhar também com a associação dos empreiteiros e com o nosso parceiro que é o Sector Privado”, Disse.

EMPREITEIROS SÃO DENUNCIADOS A NÍVEL DE OUTRAS PROVÍNCIAS

Aquela Dirigente revelou que neste momento vão ser partilhadas informações sobre os empreiteiros prevaricadores com o Órgão Central para que estes dados sejam conhecidos nas outras províncias de modo que os empreiteiros não abandonem obras depois ganhem outras noutras regiões do país.

“Nós vamos assegurar tudo para que na nossa província pelo menos estes empreiteiros que abandonaram não possam voltar a receber obras”, esclarece Diogo.[/su_members]

73

Perfil do Editor

Redacção
Propriedade de Edições do Jornal Visão, Registado na República de Moçambique em Dezembro de 2016 no Gabinete de Informação, Instituição de Tutela sobre o sector da comunicações e radiodifusão com procedimentos dos ministérios da Justiça, Interior, Comércio e Indústria e dos Transportes e Comunicações. Publicações Semanais por PDF e diárias através do Website www.jornalvisaomoz.com. Notícias de Moçambique e do mundo na hora certa, com factos e argumentos fiáveis e credíveis.

Propriedade de Edições do Jornal Visão, Registado na República de Moçambique em Dezembro de 2016 no Gabinete de Informação, Instituição de Tutela sobre o sector da comunicações e radiodifusão com procedimentos dos ministérios da Justiça, Interior, Comércio e Indústria e dos Transportes e Comunicações. Publicações Semanais por PDF e diárias através do Website www.jornalvisaomoz.com. Notícias de Moçambique e do mundo na hora certa, com factos e argumentos fiáveis e credíveis.

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×

Olá!

Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo no WhatsApp ou envie-nos um e-mail para admin@jornalvisaomoz.com

× DENUNCIE SEM MEDO AGORA!
%d bloggers like this: