google.com, pub-7868974546359612, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-7868974546359612, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Impactos ambientais podem impedir projecto de gás natural em Moçambique

Moçambique deverá interromper à exploração de gás natural na zona norte e investir em energias renováveis, defende a organização ambientalista Friends of Earth, que vai a tribunal em Dezembro para bloquear o financiamento britânico ao projecto.

Segundo escreve o Notícias ao Minuto citando a agência Lusa, o Governo britânico revelou no ano passado que iria contribuir com até 1,36 mil milhões de euros para o projecto de gás natural liquefeito (GNL) do norte de Moçambique, através da agência UK Export Finance (UKEF), por isso, a organização Friends of Earth quer que este investimento seja declarado ilegal à luz dos compromissos feitos para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa previstos no Acordo de Paris e iniciou um processo de revisão judicial.

As audições no Tribunal Superior [High Court] de Londres estão previstas para decorrer entre 07 e 9 de Dezembro, mas a decisão só deverá ser anunciada mais tarde.

Tony Bosworth

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *