MARRACUENE PREVÊ USAR ALIMENTOS PARA MELHORAR O PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

MARRACUENE PREVÊ USAR ALIMENTOS PARA MELHORAR O PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

No âmbito das celebrações do Dia da Alimentação Escolar, efeméride instituída a 2 Janeiro de 2018, na 26ª Cimeira da União Africana (UA) com o objectivo de proporcionar aos alunos motivos de ir a escola pois alguns deles não se faziam devido ao factor “fome”.

Durante a cerimónia em Marracuene, Nelson Naiene, Chefe de Repartição da Cultura Juventude e Desporto no Serviço Distrital da Juventude Educação e Tecnologia (SDJET), avançou que a alimentação escolar consiste em melhorar o desempenho e a frequência dos alunos bem como a dieta alimentar dos petizes.

O SDJET foi incumbido a escolher três (3) escolas do distrito em 2019 para beneficiarem da iniciativa. Após a seleção houve uma capacitação organizada na província de Gaza, no distrito da Macie onde participaram pontos focas dos conselhos de escola em matérias que envolviam a conservação dos alimentos na escola, confecção e as suas metas.

Mais adiante, Naiene, avançou ainda, que os alimentos em causa, são adquiridos pelo SDJET devendo ser estes não perecíveis (Farinha, Óleo, Arroz), sendo que cada instituição é beneficiária deste apoio através de um capital que o Ministério de tutela aloca.

Gradualmente o financiador da iniciativa (MINEDH), faz a monitoria do valor alocado nas escolas para que o mesmo seja devidamente gerido.

321
Sobre o autor: Redacção do Jornal Visão Moçambique
Jornal moçambicano que inova na maneira de informar. Notícias de Moçambique e do mundo num toque. Digitalizamos a maneira como a notícia chega ás suas mãos e ao bolso através desta camada jovem que faz Jornalismo Social e Responsável.
Compartilhar isso

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: