Sidat Afirma estarem criadas condições para o recolher obrigatório em Marracuene » Jornal Visão

O recolher obrigatório, é a forma encontra pelo Governo Moçambicano para reduzir o número de infectados pelo novo coronavírus na zona Metropolitana do Grande Maputo, compreendendo as cidades de Maputo e Matola, Distrito e vila de Boane e Distrito de Marracuene. A medida está presente no novo Decreto nº 2/2021 de 4 de Fevereiro de 2021, anunciado pelo Chefe de Estado que entrou em vigor às 0h00 do dia 05 de Fevereiro em curso, apontando que todos cidadãos destas zonas residenciais devem estar em casa a partir das 21:00H até às 4:00 da manhã.

Shafee Sidat, Administrador do Distrito de Marracuene avançou esta segunda feira(09) de que é a primeira vez que acontece algo do género(recolher obrigatório). “É uma experiência nova para todos tendo em vista que estávamos habituados com um outro estilo de vida no que concerne ao horário mesmo com a covid-19”, completou.

Sidat, revelou ao Jornal Visão que visitou alguns bairros de Marracuene das 21:00 até às 4:00 da manhã para ver de perto o trabalho feito pelas autoridades. O trabalho consistiu em bloquear as vias de entrada para o distrito como é o caso de Nhogonhane, os automobilistas e transportadores tiveram que regressar a Manhiça ou a pernoitar no Controle daquela parcela do distrito pois a medida visava diminuir o tráfego.

“Para além de bloquear as vias de acesso a Vila Sede do distrito de Marracuene, sensibilizou-se a população em geral a recolher antes das 19. Esta acção contou com os membros do governo e os agentes da polícia” reltou o Administrador daquele ponto do país.

Shafee Sidat, mostrou-se indignado com o comportamento de alguns  jovens na localidade de Bobole e referindo que os mesmos necessitam de uma educação pois foi o bairro em que houve mais apreensão de aparelhagem e de pessoas que neste momento estão a contas com a polícia.

O Administrador, disse que conhece os problemas de viabilidade e disse que está a trabalhar, como forma de ajudar a população sendo que o Governo disponibizou cinco(5) viaturas para assegurar a chegada dos cidadãos a tempo e horas às suas residências.

  MAIOR NÚMERO DE CONTAMINADOS PELA COVID-19 SÃO MULHERES

A maior parte das apreensões foram nas barracas e nos botle store que estavam em funcionamento até a alta noite .

As viaturas do governo foram disponibilizadas para os primeiros dias do decreto presidencial, pois o governo não reúne condições para transportar cerca de 240.000 milhões de habitantes.

Shafee Sidat, administrador de Marracuene, pede a todos os a cumprir com o decreto presidencial para que não sejam alvos na recolha obrigatória.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: