Na fronteira entre Moçambique e RSA: Recuperadas viaturas de alta cilindrada a caminho de Maputo » Breves » Jornal Visão Moçambique

Na fronteira entre Moçambique e RSA: Recuperadas viaturas de alta cilindrada a caminho de Maputo

O roubo de viaturas ao longo da fronteira entre África do Sul e Moçambique continua a provocar uma crispação exacerbada de relações entre sul-africanos e imigrantes moçambicanos.

Sobre a recente recuperação de viaturas, a polícia sul-africana conta que baleou mortalmente um dos integrantes da quadrilha, e algumas imagens mostram viaturas sendo retiradas de rios e outras encontradas no meio da mata.

Já leu a edição 155 do Jornal Visão Moçambique? Não perca a chance.

Os sul-africanos acusam os imigrantes moçambicanos de conivência com os ladrões de carros, sobretudo os de todo-o-terreno, que são depois levados a Moçambique.

As autoridades sul-africanas nas províncias de Kwazulu-Natal, Mpumalanga e Limpopo, que partilham a fronteira com Moçambique, tentaram em vão reforçar a vedação de arame farpado e em algumas secções da fronteira e construíram um muro de betão para conter o roubo de viaturas.

Neste sábado (18.06.2022), chegam imagens nas redes sociais confirmando a recuperação por parte da polícia sul-africana de viaturas em Komatiport, Mpumalanga.

As vitimas consideram que as autoridades moçambicanas são tolerantes para com os ladrões que levam viaturas ilegalmente na África do Sul.

Leia mais:

Homem morre durante a recuperação de quatro veículos roubados perto da fronteira de Moçambique

 

Um ocupante de um dos quatro veículos roubados interceptados perto da fronteira entre SA e Moçambique foi morto durante um tiroteio com membros das Forças de Defesa Nacional da SA na manhã de terça-feira.

A polícia sul-africana disse que os soldados estavam em patrulha de rotina por volta das 3 da manhã quando avistaram um comboio suspeito de veículos que se acreditava estarem a caminho de Moçambique.

“Os ocupantes dos veículos do comboio começaram a atirar contra os membros da SANDF, que supostamente revidaram.

“Um homem, que se acredita ter sido ocupante de um dos veículos, foi fatalmente ferido. Os outros suspeitos conseguiram fugir”, disse o porta-voz da polícia, Brig Selvy Mohlala.

Os três bakkies Toyota e um Toyota Fortuner foram roubados em Lyttleton e Flórida em Gauteng e em Pienaar, Mpumalanga.

“A polícia está investigando um caso de inquérito em relação ao incidente. O falecido ainda não foi identificado. Os ocupantes dos veículos recuperados estão foragidos”.

Cidadãos sul-africanos condenam atitude dos bandidos e pedem mais acção à polícia.

This image requires alt text, but the alt text is currently blank. Either add alt text or mark the image as decorative.

428
Sobre o autor: Redacção
Jornal moçambicano que inova na maneira de informar. Notícias de Moçambique e do mundo num toque. Digitalizamos a maneira como a notícia chega ás suas mãos e ao bolso através desta camada jovem que faz Jornalismo Social e Responsável.
Compartilhar isso

Comentários do Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.